Veja dicas para saber como regular seu aquecedor de forma eficiente.

Evite desperdício de gás e se mantenha seguro: entenda a importância da regulagem dos aquecedores.

Seja mecânico ou digital, aquecedores precisam de atenção na regulagem. Confira.

Como fazer a regulagem correta do meu aparelho a gás? Trazemos dicas para melhor eficiência.

A vida moderna nos traz inúmeros benefícios, principalmente nas questões tecnológicas. E, dentre as comodidades que temos disponíveis atualmente, estão os aquecedores a gás. Apresentados, principalmente, nos modelos digital e mecânico. Eles cumprem inúmeras funções, sendo amplamente utilizados para aquecimento de água para o banho, recreativo, higiênico, entre outras funções.

Mas, para aproveitar o melhor que os aquecedores a gás têm a oferecer, é preciso saber fazer a regulagem correta do equipamento. Isso contribui para uma maior vida útil. Além da economia com gás, permitindo a potencialização de suas características próprias. O que muitas pessoas ainda têm dúvida em relação aos aquecedores a gás digital e mecânico é:

Quais são as melhores maneiras para regulá-los?

É isso que a Aquecenorte, especialista no assunto, traz neste artigo.

 

1) Evite regular seu aquecedor na temperatura máxima

Este é um fator que acaba fazendo com que os aquecedores a gás, sejam mecânicos ou digitais, apresentem problemas. Usar o equipamento sempre em suas capacidades máximas diminui sua vida útil, já que para o uso residencial ele não foi feito para trabalhar dessa maneira o tempo todo. Sobretudo, eles desperdiçam o recurso de uma maneira assustadora, principalmente porque trabalharão em conjunto com a água fria e a temperatura precisará ser regulada, da mesma forma que seria em níveis mais baixos.

Exemplificando: se você tem duas vazões autônomas na sua casa – uma quente e outra fria – e, toda vez que vai tomar banho precisa regular a temperatura através da segunda torneira, estará gastando mais de gás, pois trará maior consumo de calor (advindo do aquecedor). Isto porque é possível ter uma maior eficiência quando a regulagem é padrão apenas para a vazão de água quente, não necessitando abrir a torneira de água fria.

regular_seu_aquecedor
como regular seu aquecedor

2) Otimize o consumo de gás

Quando você tem um aquecedor mecânico, em determinados casos, pode parecer complicado, nas primeiras vezes, encontrar a temperatura ideal. Muitos deixam a água extremamente quente e, na sequência, vão liberando a fria, até o ponto que as agrada. Não faça isso: em todos os casos você irá gastar mais gás e causará outro problema, como o desequilíbrio hidráulico.

Procure um ponto de regulagem no aparelho que utilize apenas a água quente. Os modelos atuais já começam a partir de 32°C, que é uma temperatura próxima a do nosso corpo – o ideal, em boa parte do ano, é uma margem entre 38ºC e 42ºC. Com a chegada do inverno, vá aumentando, pouco a pouco, de maneira manual (mecânica) ou diretamente no display (digital) até encontrar o ponto ideal, evitando consumo excessivo de gás.

 

3) Atenção à chama e ao display

Uma regulagem efetiva de aquecedores a gás mecânicos pode ser observada através da chama. No caso de modelos digitais, a atenção deverá se restrita quando o próprio dispositivo apitará, através do autodiagnóstico, quando há defeitos e/ou mau funcionamento. O uso eficiente do equipamento mostrará chamas azuladas e constantes, sem interrupções – e isso pode ser feito no próprio aparelho, como indicado nos tópicos anteriores.

Caso a chama apresente um tom amarelado, volte a sua atenção à regulagem – os digitais já fazem a indicação nos próprios displays sobre os níveis, mas nos mecânicos é essencial que você regule da maneira correta, evitando desperdícios e que os aquecedores diminuam sua vida útil pela má utilização do equipamento. Em determinados casos, a assistência técnica deverá ser chamada, se o problema persistir.

 

4) Dê atenção ao manual do usuário para regular seu aquecedor

Esse é outro problema que muitos desprezam e, por isso, não conseguem fazer a melhor regulagem do seu aquecedor a gás. Principalmente nos aparelhos mecânicos, leia as indicações do fabricante para a regulagem efetiva, assim aproveitando ao máximo o que ele tem a oferecer.

Nos equipamentos digitais, entenda e aplique a temperatura ideal, devido a simplicidade do equipamento – mas, sempre de olho nas especificações técnicas. Dê a atenção devida ao manual, em ambos os casos, para as modalidades de operação que o equipamento traz – que vão desde a temperatura até quais são as regulagens corretas em cada caso, como banho e utilização da água em torneiras.

regular_seu_aquecedor
como regular seu aquecedor

5) Utilize aparelhos certificados e modernos

Um passo importante para uma regulagem efetiva – e menos desperdício de gás – é comprar aparelhos que sejam modernos e obtenham a certificação de órgãos competentes. Assim como o Selo Conpet de eficiência energética. Programa do Governo Federal criado em 1991, ele é especializado em produtos que utilizam de gás natural e derivados do petróleo, diferente do Procel, que é aquela etiqueta que vai nos seus eletrodomésticos.

Efetivamente, como o Selo Conpet contribui para uma regulagem padrão de aquecedores digitais e mecânicos? Eles são feitos para evitar o desperdício do recurso natural que irá ser utilizado na sua casa ou indústria, através de sensores que indicam quando é necessário fazer a regulagem. E, em determinados aparelhos, até cessando quando se ultrapassa o limite de consumo estabelecido seguro pelos órgãos competentes.

Geralmente os equipamentos com o Selo têm maior eficiência com aquecedores digitais, pois esses podem ser integrados. Mas, não se preocupe se você tem um aquecedor a gás mecânico. Há diversos produtos feitos sob medida para que a regulagem seja realizada da maneira mais eficiente possível. Por fim, outro selo, o do Inmetro, é indispensável para garantir a segurança do seu aquecedor.

 

6) Atenção ao equipamento

Por fim, é importante dizer que o problema, muitas vezes, não está na regulagem, e sim no equipamento a gás. Dessa forma, observe se a chama continua acesa e a sua tonalidade. Além de descobrir possíveis vazamentos que tornam o aparelho menos eficiente e seguro. Quando a sua regulagem padrão não está funcionando, o ideal é chamar uma equipe técnica especializada para entender o que está acontecendo. E assim, resolver o problema.

 

Algumas dicas para regular seu aquecedor

Para melhor eficiência dos aquecedores a gás, tanto digitais quanto mecânicos, procure empresas especializadas. Empresas essas que vão desde a venda do produto, passando pela instalação e terminando no pós-venda, que é necessário para qualquer problema que surja. Dessa forma, a regulagem, após algum tempo, será padrão e você economizará ainda mais gás do que o consumo comum.

Se você está em dúvida em qual equipamento escolher – digital ou mecânico – confira está postagem do blog da Aquecenorte que traz dicas e características próprias de cada um. Da regulagem ao consumo, nosso compromisso é oferecer os melhores serviços para você.

Você precisa comprar aquecedor a gás, mas não sabe por onde começar?

Provavelmente é a primeira vez que você vai comprar um aquecedor a gás.

Então é normal que existam muitas dúvidas sobre preços, marcas, instalação e manutenção.

O importante é se informar sobre o produto, para que sua aquisição não te traga problema no futuro. É uma chatice comprar um produto ou serviço e sair insatisfeito.

Talvez você precise comprar um aquecedor a gás porque comprou um apartamento novo, e a maioria vem com obrigatoriedade do uso do aquecedor a gás. Ou pode ser que seu aquecedor já esteja com os dias contados. Ou melhor, você comprou uma chácara ou uma bela casa de praia e quer colocar o aquecedor a gás para economizar na conta no fim do mês.

Se você está lendo isso agora é bem provável que se identifique com alguma dessas situações descritas acima.

comprar_aquecedor_a_gas

Antes de passar as dicas, é bom você saber como funciona um aquecedor gás e seus benefícios:

O aquecedor a gás é um equipamento de alta tecnologia (no caso dos aquecedores digitais), bastante utilizado na Europa e nos Estados Unidos, responsável por aquecedor a água. A água fria passa pela serpentina do equipamento (um cano de cobre) que aquece a água por meio de uma chama alimentada por gás (seja gás natural ou gás liquefeito de petróleo).

Basicamente a água fria entre no aquecedor e passa pela serpentina (uma espécie de zigue-zague), que é responsável pelo aquecimento da água. Esse processo é praticamente instantâneo.     

Benefícios:

  • Água bem quente na temperatura que você escolher
  • Economia de energia elétrica
  • Dura mais de 10 a 15 anos
  • Uso de duchas, que podem proporcionar um banho de hotel com conforto e relaxamento.

Bom agora vamos direto ao ponto

 

Dicas para comprar aquecedor a gás:

Capacidade :

Existem diversos capacidades e tamanhos de aquecedores a gás. Comprar aquecedor a gás sem saber o ideal para sua necessidade é um erro.

O que seria a capacidade do aquecedor a gás?

É quanta água quente o aquecedor a gás é capaz de fornecer. A capacidade do aquecedor normalmente é medida em litros por minuto.

Exemplo: aquecedor de 22 litros. Isso significa que que o aquecedor libera 22 litros de água quente por minuto.

Os aquecedores a gás atendem as mais diversas necessidades. Você tem um banheiro? Dois, três? Existem modelos capazes de atender. Dê uma olhada nos modelos e tamanhos mais comuns:

 

comprar_aquecedor_a_gas

Aquecedor de 12 litros

Esse é bem econômico. É ideal para residências com apenas um banheiro ou pessoas que moram sozinhas. Bem compacto e econômico. De fácil instalação em lavanderias pequenas e locais com pouco espaço.

Apartamento pequenos, lofts e estúdios são os mais indicados para ter um aquecedor a gás desse tamanho.

Se você mora sozinho não tem como usar a ducha e a torneira de água quente ao mesmo tempo. Este aquecedor é o mais indicado para você.

 

comprar_aquecedor_a_gas

 Aquecedor a gás de 18 litros

Esse é para você que tem apenas um banheiro em casa. Mas que além da torneira do banheiro também possui uma torneira com água quente na cozinha. Adequado para apartamentos novos e casas de porte pequeno.

É o aquecedor a gás ideal para casais recém-casados.

É muito prático, enquanto um está tomando banho outro está lavando a louça com água quente. Ótimo para o dia a dia.

Para um solteiro ou solteira que gosta de receber amigos, convidados e a família é uma mão na roda, e um conforto oferecer água quente à todos.

 

comprar_aquecedor_a_gas

Aquecedor a gás de 26 litros

Este é para uma demanda um pouco maior, no caso de você ter um filho, por exemplo. Suporta bem o consumo de água de 3 pessoas, com uso de duas duchas e uma torneira ao mesmo tempo. Tem ótimo desempenho para uma família que não seja tão grande.

Este é o mais vendido da atualidade. Você pode tomar banho, enquanto seu marido ou esposa lava a louça com água quente. E se seu filho ou filha chegar correndo da rua para tomar banho ainda pode usar a ducha do outro banheiro sem risco de queda da temperatura. Muito prático.

É muito bom poder tomar banho, sem se preocupar se alguém está usando a ducha do outro banheiro, nem se tem alguém lavando a louça com a torneira de água quente. Todos têm comodidades para suas atividades na casa.

comprar_aquecedor_a_gas
comprar um aquecedor a gás

Aquecedor a gás de 36 litros

Este é bem robusto, comprar aquecedor a gás desse tamanho, é para abastecer uma  grande demanda, como 3 duchas e uma torneira. É ideal para grandes famílias, casas com quarto com suítes, e com banheira.

Para casas de praias que normalmente são grandes com mais de dois banheiros. É um conforto para famílias com mais de dois filhos ou para receber os amigos. Todos podem tomar banho ao mesmo tempo, sem a preocupação com queda da temperatura ou baixa na vazão da água.

É máximo de conforto, para sua casa, apartamento ou residência.

 

comprar_aquecedor_a_gas
comprar um aquecedor a gás

Aquecedor a gás de 42 litros

Este aquecedor a gás de alta vazão, atende 4 duchas. É conforto e tranquilidade no seu dia a dia. Se na sua casa tem 1 banheiro social com uma ducha, e 3 suítes com duchas, este aquecedor é o ideal para você, pois podem ser usados ao mesmo tempo.

Atende bem, quem possui banheira, e grandes famílias. Você talvez tenha seus pais ou sogros morando com você, ou mesmo tenha mais de 3 filhos, é a oportunidade de oferecer conforto para todos na hora do banho.

Além disso, ele tem uma grande possibilidade. Você pode implantar o sistema de fluxo balanceado. Isso significa que, diferente dos outros aquecedores, esse pode ser instalado dentro do banheiro, sem risco a saúde.

Exceto os aquecedores a gás equipados com a tecnologia de fluxo balanceado, todos os outros devem ficar em locais ventilados, com porta e janelas para fluxo do ar. Isso para evitar que o monóxido de carbono liberado pelo aquecedor, permaneça no ambiente no caso de vazamento.

A maioria dos aquecedores são altamente seguros, com dispositivos de segurança que desligam o aparelho no caso de vazamento. Então não precisa ter medo, quanto isso. Mas atenção na hora da instalação. Uma instalação mal feita pode comprometer a saúde da sua família. Procure sempre empresas autorizadas para fazer esse tipo de serviço.

 

comprar_aquecedor_a_gas
comprar um aquecedor a gás.

Mas qual a melhor marca ?

É normal ficarmos um pouco indecisos a respeito de marcas na hora da compra. Principalmente se não conhecemos muito bem o produto que estamos comprando. Por isso separamos esse artigo que fala um pouco de cada marca. Você pode acessa-lo clicando aqui!

 

Como escolher o aquecedor a gás ideal?

Talvez mesmo depois de ler esse artigo você não saiba como fazer pra escolher o aquecedor ideal pra sua casa ou apartamento. Nesse caso separamos esse ebook que explica em poucos passos como dimensionar o equipamento correto para o conforto do seu lar.

comprar_aquecedor_a_gas
Baixe gratuitamente o ebook como escolher o aquecedor ideal para sua casa

 

Você tem desfrutado do seu aquecedor a gás? Um banho com conforto todos os dias? Agora imagina se preparar para aquele banho quentinho e o aquecedor a gás não funcionar. Ninguém merece isso não é?Você não adquiriu um aparelho deste porte para passar por situações assim. Isso pode ocorrer por falta de manutenção técnica preventiva do aquecedor a gás.

Ela deve ser feita uma vez ao ano, conforme a recomendação de todos os fabricantes. Seja a Rinnai, Rheem, Lorenzetti, Bosch, Orbis, Komeco e outras.

O que é manutenção técnica preventiva do aquecedor a gás?

Trata-se de uma revisão geral e limpeza do aquecedor a gás com o objetivo de manter as condições ideais de operação do equipamento. Conforme falamos há pouco esse tipo de serviço deve ser executado anualmente. A exceção deve ser feita caso se trate de um uso comercial ou industrial do aquecedor a gás. Nesse caso a manutenção preventiva deve ser executada a cada 6 meses.

Quem faz a manutenção técnica preventiva do aquecedor a gás?

Pessoal devidamente capacitado por meio de contínuo treinamento e credenciamento executado por profissional habilitado ou entidade pública ou privada reconhecida, para executar montagens, manutenções e ensaios de instalações de acordo com os projetos e normas.

Este trecho está na Comissão de Estudo de Instalações destinadas à utilização de gases combustíveis – do ABNT/CB-09 – Comitê Brasileiro de Gases Combustíveis. Portanto existem normas para a manutenção do aquecedor a gás, empresas que seguem este critério são sinônimo de segurança para sua família.

Além disso vale frisar a importância de procurar sempre profissionais de assistências técnicas autorizadas pela marca correspondente do seu aquecedor a gás.

manutencao_tecnica_preventiva
A manutenção técnica preventiva garante a vida útil do aparelho

Manutenção preventiva do aquecedor a gás. Veja o que pode acontecer se você não acionar a manutenção anualmente.

1. Danifica a operação correta do aquecedor a gás:

  • Aparecimento de códigos de erros no display digital;
  • Desligamento repentino do aquecedor;
  • Oscilação da temperatura entre quente, fria e morno;
  • Acúmulo de sujeira que pode causar erros de funcionamento.

 2. Perigos relativos ao monóxido de carbono

  • É um gás tóxico com risco de envenenamento tanto de pessoas quanto de animais. Em suma o vazamento muitas vezes pode ser imperceptível e lentamente gradual. Como os sintomas são náuseas, fraqueza e outros, a maioria das pessoas confunde esses sintomas com um mal estar comum e corriqueiro. Dessa forma a manutenção preventiva do aquecedor a gás evita que sua família corra esse risco.

 3.Temperaturas demasiadamente altas e outras condições potencialmente perigosas

  • Aumento do grau da temperatura da água, o que torna o banho inadequado para uso, com riscos sérios a integridade física.

Veja como verificar se a manutenção técnica preventiva do aquecedor a gás foi feita corretamente

Garanta que a assistência técnica seja composta por técnicos com treinamentos específicos em aquecedor a gás. Primordialmente profissionais formados no SENAI e em treinamentos oferecidos pelas próprias fabricantes de aquecedores a gás são uma garantia de qualidade de serviço. Verificar isso é imprescindível.

Uma forma de se tranquilizar quanto a isso, é comprar seu aquecedor a gás de empresas que ofereçam tanto o aquecedor quanto a instalação e manutenção preventiva.

Manter um relacionamento de serviços com a mesma equipe que instalou seu equipamento vai lhe poupar muita dor de cabeça. Algumas pessoas compram seu aquecedor a gás de grandes lojas devido o preço. No entanto nem sempre esse é um bom negócio, já que a maioria não oferece nem a instalação nem a manutenção do aquecedor. Em outras palavras você terá que buscar esse técnico especializado, o que além de te dar mais trabalho, pode encarecer o produto final.

Caso você tenha comprado seu produto em uma loja que não oferece serviços de instalação de manutenção procure no site da marca do seu aquecedor a gás empresas autorizadas.

Acima de tudo nunca permita que nem a instalação nem manutenção do seu aquecedor a gás seja executa por alguém sem treinamento e qualificações. Como resultado essa atitude vai garantir a segurança da sua família.

 

manutencao_tecnica_preventiva
A manutenção técnica dos flexíveis e dutos são primordiais.

Manutenção preventiva interna e externa do aquecedor de gás –  Verificações:

  • Duto de exaustão

Trata-se de um duto prateado. Primordialmente esse duto fica acima do aquecedor a gás e é por onde o gás de monóxido de carbono é conduzido para fora da residência.

Portanto é fundamental perguntar ao técnico se está tudo ok, se ele verificou vazamentos, se a coloração prateada está diferente e se ele fez a limpeza. Caso ele esteja com múltiplos pontos pretos significa que deve ser substituído. Esses pontos pretos são micro-furos que são formados ao longo do tempo. Lembrando que a vida útil média de um duto de exaustão é de cerca de 5 anos.

  • Mangueira de gás

O termo técnico é flexível de gás e como o nome sugere ele é responsável por alimentar o aquecedor com gás. Fique atento e verifique junto ao técnico se está tudo ok e se foi feita a limpeza. Assim como o estado do flexível e se é ou não necessário trocar. Vale ressaltar que leigos, e até algumas empresas despreparadas, acabam por instalar um flexível de água no lugar do flexível de gás. Caso esteja assim na sua residência chame imediatamente uma assistência técnica autorizada para efetuar a troca. O flexível de gás é próprio para o gás.

  • Mangueira de água quente e fria

Termo técnico: flexíveis de água. Confira com o técnico se está em bom estado e limpo.

A manutenção preventiva dos flexíveis e dutos. Atenção importante.

Esses flexíveis são de máxima importância, e técnicos qualificados fazem uma criteriosa verificação. Caso tenha que trocar qualquer um deles por motivo de vazamento ou desgaste, não hesite em permitir a troca. Sem dúvida é para sua própria segurança.

Os técnicos relatam que esses flexíveis são os mais recorrentes para a troca, por falta de limpeza, por sujeira ou mesmo pelo tempo de vida natural.

De tal forma que o duto de exaustão é recomendado trocar a cada 5 anos, e os flexíveis (mangueiras) de água e gás precisam ser observados se estão opacos e com a aparência desgastada. Certamente nesse caso o técnico vai solicitar a troca imediata.

manutencao_tecnica_preventiva
Fique atenta a manutenção técnica preventiva interna do seu aquecedor de água

A manutenção preventiva interna –  Procedimentos de verificações:

  • Ventoinha – é feito testes para averiguar se a ventoinha está travando, suja, ou com algum desequilíbrio. Portanto sua função é expulsar o gás queimado (monóxido de carbono) que foi utilizado durante o funcionamento do aquecedor a gás;
  • Se ao ligar o display do aquecedor a gás ele liga e funciona corretamente;
  • Se durante a verificação aparecem códigos de erros. Em suma cada código de erro relata um problema no aquecedor;
  • Limpeza no equipamento caso exista sujeira interna e externa. Do mesmo modo é necessário verificar também se essa sujeira encontrada prejudicou algum componente do equipamento e se será necessário a troca;
  • Se existe obstrução da ventilação ao redor do aquecedor. Antes de mais nada o técnico deve orientar o cliente que não pode deixar móveis ou objetos impedindo a circulação de ar ao redor do aquecedor a gás. Se este for o seu caso ele vai pedir para que você retire os objetos;

Procedimentos de segurança necessários:

  • Verificar se próximo ao aquecedor a gás existem produtos químicos. O técnico irá alertar e pedir que você retire os produtos químicos próximo ao aquecedor;
  • Se o aparelho está sendo usado como suporte para objetos. Não é recomendado colocar nada em cima do aquecedor a gás e do duto de exaustão pois ela esquenta. Há risco real de fogo. Então você será alertado a tirar qualquer objeto;
  • Antes de mais nada verifique se existe varal de roupas em cima do aparelho. Roupas soltam fios e poeira que acabam entrando em contato com o aquecedor a gás causando danos internos;
  • Barulhos no aquecedor a gás – Pergunte ao técnico sobre qualquer som estranho que ele possa ter verificado durante a manutenção preventiva. As válvulas e ventoinhas sujas emitem sons irregulares quando funcionam. Em outras palavras técnicos qualificados sabem identificar e solucionar o problema;
  • Troca de peças – Caso o técnico te comunique que deve ser feita uma troca, pergunte o que aconteceu com a peça e só deixe ele trocar se a peça for original. Saiba que a troca por peças falsas ou recuperadas anula a garantia do produto.

Espero que essas dicas possam te ajudar na visita técnica anual do seu aquecedor, e que você sempre possa usufruir desse bem com conforto e tranquilidade. De tal forma que você tenha um banho com a máxima eficiência e conforto que você merece!

manutencao_tecnica_preventiva
A manutenção preventiva garante seu banho com conforto.

 

 Manutenção de aquecedor a gás, não foge à regra. Você adquiriu um bem de conforto, e espera que ele dure e opere perfeitamente. Para isso algumas atitudes precisam da sua atenção.

São atitudes que envolvem cuidados. Todo equipamento eletrônico tem suas especificações para que possa exercer todo o potencial de sua funcionalidade e durar o máximo possível.

São atitudes básicas e fáceis de cumprir, e o resultado é poder usar seu aquecedor a gás por anos sem dor de cabeça. Um das coisas boas da vida é exatamente poder desfrutar daquilo que compramos, ou de um serviço que contratamos de forma plena e satisfatória. Mas para isso é preciso conservar o equipamento.

Manutenção do aquecedor em residência/apartamento. O que você pode fazer!

 

manutencao_de_aquecedor_a_gas
Algumas atitudes podem prolongar o funcionamento do seu aparelho

 1. Manutenção do Aquecedor – Limpeza externa:

  • Feche o registro de gás;
  • Desligue o aparelho da tomada;
  • Com um pano úmido e sabão neutro limpe a capa externa;
  • Limpe externamente os dutos de água fria, água quente, o duto do gás e da chaminé com pano úmido e sabão neutro. Se você encontrar furos em qualquer um dos dutos, chame imediatamente a assistência técnica;

Uma das maiores observações que os técnicos de manutenção de aquecedores a gás fazem é quanto a limpeza do aparelho. Eles relatam que os clientes se esquecem disso, e o aparelho fica repleto de sujeira como poeira, pelos, fios de panos, eles já acharam até penas de pássaros dentro e fora do aparelho.

A sujeira é um grande vilão desse aparelho. Toda poeira deve ser retirada, pois o aquecedor a gás funciona com ventoinha, com dutos de entrada do oxigênio, dutos de saída do monóxido de carbono, filtros de água, exaustores etc.

Esses componentes são sensíveis a poeira. A sujeira acumulada causa o mau funcionamento do aquecedor gás, resultando em paradas repentinas, desligamento, esfriamento da água etc. Veja como um simples atitude de limpar seu aparelho semanalmente é de grande importância para evitar problemas maiores.

O display do aquecedor a gás alerta sobre sujeiras

Os aquecedores a gás digitais possuem um display que mostram códigos de erros, esse é um indicador que algo está errado no aparelho e deve ser verificado, muitos desses códigos tem a ver com a sujeira do aparelho. Mas não espere aparecer um código de erro no seu aparelho, pois isso significa que o problema já se agravou.

Clique aqui e conheça os códigos de erros mais comum no aquecedor a gás e o que fazer para resolver.

Uma dica importante: Se você tiver uma diarista oriente a forma de limpar o aquecedor a gás, seguindo os passos descritos acima. Muita gente tem medo de chegar perto do aquecedor a gás. Basta você demonstrar ou orientar. Se você adquiriu o equipamento de marca renomada fique tranquilo seu equipamento é de alta segurança.

 

 2. Manutenção de aquecedor a gás – Organização do local onde está instalado o aparelho:

 

manutencao_de_aquecedor_a_gas
Manter o local limpe e organizado também faz parte da manutenção do aquecedor a gás
  •  Verifique e retire objetos que impeçam a ventilação próximo ao aparelho
  •  Não use o aparelho como suporte para objetos;
  •  Retire todo material de combustão (panos, matérias de limpeza, líquidos inflamáveis);
  •  Deixa uma janela próxima ao aparelho sempre aberta;
  •  Não use a mesma tomada do aquecedor a gás para outros aparelhos. (Evite sobrecarregar os circuitos);

A manutenção do aquecedor pede alguns cuidados. No dia a dia nem percebemos aquele aparelho que deixa nosso banho tão confortável. A área de serviço onde normalmente ele é instalado acaba por ser um lugar de pouca circulação, e por fim depósito de tudo que está espalhado na casa.

Fique sempre atento, oriente sua família ou empregados para não fazer do local onde está o aquecedor a gás uma área de bagunças, produtos químicos, sujeiras e sem ventilação. Preserve seu bem e seu conforto.

 

      

3. Manutenção de Aquecedor a gás mecânico – Dicas para limpeza

manutencao_de_aquecedor_a_gas
A manutenção do aquecedor a gás mecânico exige maior atenção

 

Se o seu aquecedor a gás é digital pule para o 4º item deste artigo. Se você tem um aquecedor a gás mecânico você vai precisar realizar duas ações além das relatadas acima para fazer uma manutenção cuidadosa.

  • Verificar a chama do gás. Meu Deus chama? Não fique assustado. No aquecedor mecânico na parte externa existe uma pequena grade, ou visor acrílico que permite ver a chama quando acesa. Se estiver amarelada, acione imediatamente a sua assistência técnica, seu aparelho e sua segurança estão em risco.

Se a chama estiver azulada, fique tranquilo está tudo bem, contudo mantenha sempre a manutenção externa.

  • Trocar as pilhas do aquecedor mecânico, de seis em seis meses. Para ajudar coloque uma fita crepe branca na parede ao lado do aquecedor com a data que você trocou a pilha. É uma boa forma de manter esse controle. Você evita estar no banho e ser surpreendido com água fria pelo desligamento do aquecedor.

 

4. O que você ganha com a manutenção?

 

 

     

manutencao_de_aquecedor_a_gas
O funcionamento correto e continuo do seu aquecedor a gás é um dos benefícios da manutenção
  • Evita gastos financeiro com a troca de peças – a sujeira no aquecedor a gás, exige que os componentes aumentem sua potencialidade para funcionarem adequadamente. O desgaste é inevitável e consequentemente a troca da peça;
  • Banho quente constantemente.  A não manutenção causa o desligamento do aparelho de forma inesperada na hora do banho;
  • Temperatura escolhida constante: Falta de manutenção pode ocasionar oscilação da água entre fria e quente; Imagina estar num banho quente bem gostoso na temperatura de 40º e vai caindo para 38º. 37º 35º, ninguém merece;
  • Evita a sujeira na água; Isso pode acontecer por sujeira no duto de água;
  • Maior tempo de vida útil do aparelho;

Todos esses procedimentos podem te auxiliar na manutenção do que aquecedor a gás. Se mesmo assim ocorrer algum problema. Chama sua assistência técnica especializada.

Esses procedimentos são básicos e não colocam em risco a operação do aparelho. Nunca abra o aquecedor a gás para manutenção interna. Isso deve ser feito por pessoal treinado. Se você danificar o aparelho por intervenções vai perder a garantia. 

A manutenção indicada aqui é a limpeza externa do aquecedor e a organização do local quanto a ventilação. Consertar o aparelho é para especialistas.

Clique aqui e descubra tudo sobre a manutenção periódica que a assistência técnica deve fazer no seu aparelho. Não seja enganado.

Veja as fotos abaixo do que não fazer com seu aquecedor a gás:

manutencao_de_aquecedor_a_gas
Sujeira, falta de ventilação, matériais inflamáveis não podem ficar próximo do aquecedor a gás

 

[pt_view id=”e1df4823k0″]

Você ainda não se esqueceu daquele incrível banho de hotel da última viagem? A  água em alta temperatura, alta pressão. Um jato de ducha direcionado para o seu corpo. Todo prazer e relaxamento que esses momentos podem proporcionar. Você sabia que o grande responsável por isso é o aquecedor a gás para apartamento.

Talvez você já tenha ouvido falar, ou mesmo conheça amigos e parentes que possuem um aquecedor a gás, e já conhece alguns dos seus benefícios. Além disso faz um bom tempo que você vem namorando a possibilidade de ter o seu aquecedor a gás.

Aquecedor a gás para apartamento, conheça as maiores dúvidas:

  • Eu moro em apartamento, como vou ter um banho desses?
  • Será que o prédio onde eu moro tem estrutura?
  • Será que vai ter espaço no apartamento?
  • Qual é o melhor aquecedor a gás e qual o ideal para o meu apartamento?

 Abaixo tentaremos esclarecer várias delas.

O aquecedor a gás vai caber no meu apartamento?

Se você imaginou um aparelho grande, desengonçado, que ocupa muito espaço fique feliz, você está errado. O aquecedor a gás para apartamento é compacto e com o tamanho médio de 50x30x15cm.

Normalmente é instalado na área de serviço, em local ventilado, próximo a uma janela. Fixado na parede, numa altura que você possa ligar, ou desligar, mudar a temperatura, e acessar outros componentes.

A imagem abaixo mostra a instalação do aquecedor a gás em local adequado.

aquecedor_a_gas_para_apartamento
O Aquecedor a gás não precisa de um grande espaço para sua instalação

Por meio dessa imagem você pode ter uma ideia, que não é necessário ter um espaço grande para o equipamento. Os apartamentos estão cada dia mais compactos, mais isso não vai te impedir de ter um aquecedor, se quiser.

O importante é ter uma equipe treinada e experiente para a instalação, que cumpra as normas de segurança e adequação. Empresas qualificadas nesse ramo tem equipes treinadas para estudar seu projeto e garantir o sucesso da instalação.

 

Super Dica: A instalação do aquecedor a gás para o apartamento

 

Uma dica de ouro, para você não ter dor de cabeça, é adquirir o aquecedor a gás de empresas que ofereçam, além do equipamento, a instalação e a manutenção, como um pacote, com tudo incluso. Dessa forma você se cerca de segurança e tranquilidade.

Muitas pessoas compram o aparelho em lojas que não oferecem a instalação ou manutenção, ou pior, empresas que não são credenciadas para esse trabalho. Isso pode sair bem caro no seu bolso, além de muitos transtornos. O ideal é adquirir um aquecedor a gás em locais que garantem a instalação e manutenção do aparelho de forma adequado, seguindo as normas em lei.

Agora você sabe que o aquecedor a gás pode ser instalado no apartamento. Ufa que alívio. Então é hora de descobrir um pouco sobre esse aparelho que é o mais usado nos Estados Unidos e Europa.

O que é um aquecedor a gás?

É um equipamento que aquece a água por meio de uma serpentina que fica dentro do aparelho. A serpentina (trocador de calor) é o local por onde a água passa e é aquecida na temperatura que você escolheu. O processo leva segundos.

Por isso é também chamado de aquecedor de passagem, ou aquecedor instantâneo. A foto abaixo mostra o aquecedor internamente e externamente.

aquecedor_a_gas_para_apartamento
Os melhores aquecedores são de tecnologia japonesa

O aquecedor a gás é um aparelho de alta tecnologia e segurança. Os melhores equipamentos são feitos por empresas de tecnologia japonesa. Há outras com tecnologia japonesa e americana que se uniram para o desenvolvimento de aquecedores que atendam às exigências internacionais de qualidade e segurança . São empresas que lideram o mercado.

Não se esqueça disso quando for adquirir o seu. Comprar de empresas renomadas garante qualidade, durabilidade e principalmente que funcione corretamente para ter seu banho confortável. Aquele de hotel.

 

Aquecedor a gás para apartamento. Qual o ideal?

Aqui você vai descobrir qual aquecedor a gás é mais adequado ao seu apartamento. Existem muitos modelos de aquecedores a gás, para atender públicos diferentes: famílias pequenas, grandes, recém casados, solteiros e outros.

O aquecedor a gás para apartamento mais adequado deve estar em sintonia com seu estilo de vida, isso vai lhe trazer conforto e tranquilidade. Fique atento as informações abaixo. E acerte na hora de obter o seu:

Para isso é necessário que você levante algumas informações quanto a parte estrutural do seu prédio.

O tipo de gás do seu apartamento vai determinar o tipo de aquecedor.

1. Gás Natural ou Gás de Cozinha?

 

Existem aquecedores a gás tanto para GLP (gás de botijão) quanto para o GN (gás natural), também chamado de gás encanado que em São Paulo, é fornecido pela Comgás.

Essa informação é muito fácil de saber. Pergunte ao seu zelador do seu prédio. Verifique no manual de instruções ou junto a construtora do prédio ou ainda pergunte a um vizinho.

Prédios novos, por norma, são obrigados a usar o GN caso a região tenha disponível. Se você já comprou um aquecedor a gás para GLP, e descobriu que seu prédio fornece GN, não se desespere, empresas especializadas fazem a conversão.

O ideal é saber antes de comprar para evitar custos desnecessários. A conversão pode ser feita tanto de um tipo de gás como para outro.

O tipo de gás do seu prédio vai determinar o modelo adequado de aquecedor a gás para apartamento. Existem aquecedores a gás GLP, e aquecedores a gás GN. Os dois funcionam de forma igual, sem diferenças.

Clique no link abaixo e saiba mais sobre gás GL e gas GLP:

Tipos de gás | GLP ou GN – Qual o mais adequado para meu uso? 

 

 

aquecedor_a_gas_para_apartamento
A vazão de água das torneiras e duchas determinam a vazão ideal do aquecedor a gás

2. Duchas e torneiras

Quantas duchas e torneiras aquecidas você vai quer no seu apartamento? Por que essa informação é importante?

  • Cada ducha e torneira tem uma vazão (volume) de água limite. Há duchas com 10 litros por minuto de vazão, o que é a  mais comum. Existem duchas de 10 a 12 litros, de 12 a 14 litros e outras. É você que escolhe qual a  melhor para você. Quanto maior a vazão, maior o conforto do seu banho.

 

  • Essa vazão de água é o volume, ou quantidade de água liberada pela ducha por minuto.  Além disso há duchas com recursos, como jatos mais fortes, com dispositivos para economizar água, outras simulam a queda de uma cachoeira. É o seu gosto que manda na hora de comprar.

 

  • Basta se informar nas descrições técnicas da ducha ou pedir ao vendedor essa informação. No site das empresas de duchas e torneiras também podem ter essa informação, caso não tenho entre em contato com a empresa para sanar as dúvidas.

 

  • As torneiras também uma vazão limite. Elas podem chegar a 3 litros a 5 litros por minuto.

 

Guarde essa informação ela será útil para a aquisição do seu aquecedor a gás.

 

 

aquecedor_a_gas_para_apartamento
Cada aquecedor a gás tem um volume de água limite por minuto

 

3. O volume de água do Aquecedor a gás

Se você comprou uma ducha de vazão de 10 litros mais uma torneira com vazão de 5 litros por minuto, os dois usados simultaneamente liberam 15 litros de água.

Você vai precisar de um aquecedor a gás com vazão mínimo 15 litros de água por minuto para abastecer sua ducha e torneira com água quente.

Os aquecedores a gás tem uma determinada capacidade de fornecer água quente por minuto. Chamamos isso de vazão. Os equipamentos de menor vazão iniciam em 4 litros de água por minuto. Existem os aquecedores de vazão média de 15, e 18 litros, enquanto que os aquecedores de alta vazão podem chegar até 47 litros. E ainda temos a possibilidade de instalar dois ou mais aquecedores em conjunto para fornecer ainda mais água quente.

Essa variedade da capacidade de vazão de água, se dá de acordo com o uso. Se você vai usar uma ducha, e uma torneira com água quente, não vai precisar de uma aquecedor com alta vazão de água. Isso significa menos consumo de água e gás, e o valor do equipamento também é menor. Quanto mais vazão de água você precisar, maior deve ser a capacidade do aquecedor, e maior será o consumo de água e gás.

Dúvidas?

  • E se você não usa as duchas e as torneiras ao mesmo tempo? Nessa caso você deve levar em consideração o que você vai usar ao mesmo tempo. Se for usar apenas um ducha de 10 litros por minuto, um aquecedor de 12 litros de vazão de água por minuto é o ideal.

 

  • Se você usa apenas duas duchas de 10 litros por minuto sem usar a torneira ao mesmo tempo, a vazão simultâneo é de 20 litros por minuto, o aquecedor a gás ideal nesse caso é de pelo menos 20 litros por minuto.

 

  • Sempre leve em consideração as duchas e torneiras que você vai usar ao mesmo tempo.

Faça você o cálculo, é fácil:

  • 3 duchas (10 Litros/min) + 3 torneiras (4 Litros/min cada)= 42 Litros por minuto. Você vai precisar de um aquecedor a gás de pelo menos 43  litros de vazão de água por minuto.

 

  • 1 ducha (8 Litros/min) + 1 torneira (5 Litros/min)= 13 Litros . Nesse caso você precisa de um aquecedor a gás de 14 a 15 litros de vazão por segundo.

 

  • 1 ducha (10 litros)= 10 litros. Aqui é para suprir apenas a ducha, pode ser que você não queira a torneira quente. O aquecedor a gás ideal é de 10 a 12 livros de vazão.

Clique no link e descubra mais sobre a vazão de água:

A vazão de água influencia na escolha do aquecedor a gás?

 

Comprei o aquecedor antes de comprar as duchas. O que fazer?

Agora vamos inverter, e se você comprou o aquecedor a gás primeiro. Um aquecedor de 15 litros de vazão, isso quer dizer que o máximo de água liberada para não comprometer a temperatura da água que sai do seu aquecedor para suprir a ducha e a  torneira é de 15 litros.

Quando você for comprar a ducha e a torneira elas não podem ultrapassar os 15 litros de vazão quando usadas simultaneamente. Passe essa informação ao vendedor. O ideal é comprar as duchas no mesmo local que comprou o aquecedor, para ter uma garantia maior de funcionamento.

Ter um aquecedor a gás é sinônimo de conforto. O que você deve avaliar é o quanto você quer de conforto e custo benefício. Quanto maior a vazão do aquecedor e das duchas maior o conforto e maior o custo de água, e de gás. É você que vai escolher o melhor para seu uso diário. No mercado existem opções para todos o gostos.

 

aquecedor_a_gas_para_apartamento
Aquecedor a gás digital ou mecânico, duas opções para escolher.

4. Aquecedor a gás digital e Aquecedor a gás mecânico

O aquecedor a gás para apartamento ideal pode ser mecânico ou digital. Aqui é uma luta injusta, porque o aquecedor a gás digital é muito superior, em recursos. Mas o importante é avaliar o melhor para o seu conforto.

Veja o vídeo abaixo:

aquecedor_a_gas_para_apartamento
É necessário ter uma pressão da água mínima para ativar o aquecedor a gás

5. Aquecedor a gás e a pressão mínima de água

Outro fator que você precisa saber sobre os requisitos para a instalação do aquecedor a gás, é quanto a pressão da água. Ela influencia no desempenho da ducha e aquecedores. Quanto maior a pressão maior a vazão.

Existe uma pressão mínima para o acionamento dos aquecedores a gás. Normalmente os prédios que possuem estruturas para instalação dos aquecedores já possuem a pressão adequada.

Existe uma exceção muito importante, caso você more no último ou penúltimo andar é quase certo que você vai precisar de um pressurizador para aumentar a pressão da água que chega ao seu apartamento. Por isso é tão importante que você não se esqueça dessa informação ao comprar seu aquecedor a gás. Priorize empresas que façam a venda do pressurizador, com sua instalação e manutenção.

Se quiser saber mais sobre pressão da água, clique no link abaixo:

Pressão da Água | A qualidade e o conforto do seu banho depende dela

Check List: aquecedor a gás para apartamento

Para facilitar sua escolha, veja o check list abaixo com tudo que você precisa saber para escolher o aquecedor a gás ideal para o o seu apartamento.

aquecedor_a_gas_para_apartamento

 

Guia para escolher o aquecedor a gás

Para facilitar ainda mais sua vida também produzimos um Ebook que funciona como um guia rápido e descomplicado de como escolher o aquecedor a gás ideal para sua residência. Para acessá-lo bastar clicar na imagem abaixo:

aquecedor_a_gas_para_apartamento
Clique e baixe gratuitamente o ebook como escolher o aquecedor ideal para sua casa

 

[pt_view id=”52ce646f9a”]

Muitas pessoas se esquecem que o momento de um banho confortável. É nesse ambiente, neste que é um dos menores lugares da casa, que você pode ter momentos de relaxamento.

Está em suas mãos ter um banho único que te proporcione bem-estar e descanso. Depois de um dia duro de trabalho, de cuidar da casa, dos filhos, da volta da faculdade ou mesmo da academia, é o que você merece, um banho confortável.

Confira algumas dicas, e crie você mesmo seu banho confortável.

 

banho_confortavel
Um banheiro bem decorado proporciona bem-estar

1. Banheiro aconchegante para um banho confortável

O banheiro nem sempre tem sua devida atenção, quanto a decoração e a arquitetura. Por ser de uso corriqueiro e prático poucos se importam em deixá-lo mais elegante e confortável em relação a outros ambientes da casa.

Por isso escolha elementos de conforto que tenha a ver com sua identidade. Em outras palavras, deixe o banheiro com a sua cara e da sua família:

Banho confortável pede uma decoração personalizada:

  • Se você gosta de plantas, adicione vasinhos
  • Se gosta de pintura, grafite ou desenho adicione alguns
  • Papel parede com temas leves
  • Adesivos modernos feitos especialmente para este espaço
  • Móveis com cores mais quentes:

Impulsionam a decoração permitindo ao ambiente um toque mais vivo. Unidos a uma iluminação pontual, fornece ao espaço cores, sombras e luzes que permitem a sensação de tranquilidade.

Cuidado não abuse das cores quentes (amarelo – vermelho- laranja) ou seu banheiro pode virar um circo.

  • Pequenos objetos decorativos:

Essa é a dica de ouro da decoração. Os detalhes podem transformar o ambiente com sua particularidade. Divirta-se nesse momento, peça para cada membro da família trazer algo pessoal para dispor no banheiro.

Dessa forma cada um cria um vínculo com o ambiente, proporcionando bem-estar e aconchego. Cuidado pense sempre na uniformidade do espaço, e no objetivo que é conforto visual.

Atenção, tudo com muito critério. Não se esqueça da máxima da decoração: menos é mais.

 

banho_confortavel
Luzes e sombras fornecem uma atmosfera mais tranquila e relaxante

2. Banho confortável está aliado a Iluminação intimista:

Este tipo de iluminação é indireta, a lâmpada não fica evidenciada. É uma luminosidade insinuante e calma.

  • Velas:

Fornecem ao ambiente a sensação de conforto e tranquilidade. Usar iluminação pontual com velas, ajudam a criar um ambiente mais tranquilo.

Servem também como peça decorativa. Duas ou três velas de cores quentes são ideias para deixar o ambiente sofisticado.

  • Leds ou lâmpadas amarelas de baixa potência:

Uma única iluminação branca completa no ambiente vai te deixar em alerta. Este tipo de iluminação serve para outros momentos como fazer a barba, escovar os dentes, maquiagem etc. Para criar um clima de conforto adicione alternativas de iluminação intimista em pontos estratégicos, como espelhos e armários.

O que tem a ver um banheiro bem decorado com o ato de tomar banho? Simples, estamos falando de sensações, de sentir-se bem. Um ambiente agradável que inspire descanso pode lhe preparar para o momento de relaxamento.

 

banho_confortavel
Nada melhor que um bom banho após um dia cansativo de trabalho

3. A hora do banho confortável

Vamos lá, seu banheiro está bem decorado, a iluminação intimista bem disposta. Você está pronto para aproveitar esses poucos minutos e fazer valer a pena.

Então o que esperar de um banho confortável? 

Bom acredito que você quer uma água bem quentinha, com uma grande vazão de água para proporcionar um banho terapêutico. Os chuveiros convencionais pouco podem te ajudar a obter estes recursos, eles possuem vazão de água de 4 a 5 litros por minuto.

As duchas no entanto são qualificadas para assegurar um banho com conforto. Sua vazão de água é maior e ampla. E o jato de água é mais direcionado para o seu corpo. Além disso por terem um design moderno, deixam a decoração do banheiro ainda mais elegante e sofisticada.

Existem diversas duchas com diferentes vazões de água. Duchas de 6 a 60 litros por minuto. A vazão é o volume de água liberada por minuto. Falando em banho confortável, é mais água caindo sobre seu corpo, como uma massagem. Alivia o stress e as dores do corpo. Produz relaxamento.

É o famoso banho de hotel. Você sabe como é gostoso viajar e tomar aquele banho relaxante no hotel. Com muita vazão e pressão que deixam esse momento sempre incrível, ainda mais se for acompanhado.

Os melhores hotéis utilizam duchas para garantir ao seus hóspedes muito conforto e comodidade, exatamente o que se espera de um lugar assim. Mas fique tranquilo com uma ducha, você pode levar esse benefício para sua casa também.

É por isso vamos revelar, mais um segredo para um banho confortável. Segredo que também é usado pelos hotéis. É um complemento para sua ducha.

banho_confortavel
A temperatura ideal da água pode trazer muito conforto para banho

4. Aquecimento da água

Quando você toma um banho confortável no hotel, você pode perceber que a água tem uma temperatura mais quente do que a temperatura do banho diário em casa com o chuveiro. Isso acontece porque a ducha, diferente do chuveiro, recebe a água já aquecida e distribui amplamente.

O chuveiro tem uma resistência para aquecer a água, isso faz com que tenha uma vazão menor de água e temperaturas de aquecimento limitadas. Na ducha você pode, se quiser, regular a temperatura de acordo com seu gosto, o que deixa o banho mais prazeroso e personalizado.

Como a ducha recebe a água aquecida?

Isso acontece por meio do aquecedor a gás. Este equipamento é um recurso tecnológico usado em grande escala tanto na Europa como nos Estados Unidos.  A água passa por um sistema de serpentina, entrando em processo de aquecimento. Se você está imaginando um aparelho enorme, está enganado. São compactos e ficam bem escondidos na lavanderia do apartamento.

No aquecedor a gás digital você pode decidir a temperatura ideal. É você que personaliza seu banho. Além disso você pode mudar diretamente na ducha, acrescendo água fria caso queira diminuir a temperatura.

O Aquecedor a gás pode aquecer as torneiras da casa, e claro a do banheiro também. Acordar cedo num dia frio com água quente é sinônimo de muito conforto e comodidade. Existem diversos tipos de aquecedores a gás, para residências, casas de campo e chácaras. Para ambientes com mais de dois chuveiros, assim como apartamentos. Nesse caso é importante lembrar que os apartamentos novos já  possuem toda infraestrutura para instalação.

Espero que este artigo possa te dar ideias e sugestões de como ter uma banho mais agradável.

Se você interessou pelo aquecedor a gás descubra mais neste artigo:

Aquecedor a gás para Apartamento: Tudo que você precisa saber para ter um

 

 

[pt_view id=”e1df4823k0″]

 

Tomar banho. Aquele momento tão esperado do dia. Você chegou na sua casa ou apartamento após ter dado um duro o dia todo. Ter matado o leão como dizem por aí. Caiu no sofá da sala, e a única coisa que veio a sua mente foi: – quero tomar um bom banho.

Tomar banho para os egípcios, há mais de 2000 anos, era um ato sagrado. Uma forma de purificar o espírito. A ideia de tomar banho apenas como uso higiênico limita a oportunidade de fazer desse momento algo terapêutico e revigorante para o corpo e a alma.

Você já parou para pensar se realmente está tomando um bom banho? Esse momento tem sido de bem-estar na sua vida? Seu banho lhe proporciona conforto e alívio?

Confira agora se você está deixando esse momento tão importante do seu dia de lado.

 

Banheiro com o visual desinteressante e sem decoração

tomar_banho
Um banheiro mal decorado não estimula a sensação de bem-estar

Muitas pessoas, deixam a decoração do banheiro em último lugar. Escolhem um bonitinho piso para o banheiro, vasos e pias que combinem e pronto.  Tratam o banheiro como um momento corriqueiro do dia a dia, sem muita importância.

O ambiente favorece ou perturba nossa sensação de conforto. Pode transformar o seu humor, seu bem-estar e proporcionar satisfação ou não.

Quando o banheiro não tem vida, você quer sair e entrar rapidamente. Banheiros com aspectos frios, possuem uma decoração excessivamente clean.  Não existem componentes pessoais no banheiro, como quadros, flores, objetivos de arquitetura. Iluminação intimista ou mesmo adesivos decorativos com temas de identidade pessoal, temas que você gosta.

 

Tomar banho em Banheiros tumultuados

 

tomar_banho
A bagunça no banheiro passa uma sensação de desconforto

Esses são transformados em depósitos. Você encontra de tudo. A desorganização é total. Você também quer entrar e sair rapidamente. O piso tem cores diversas, misturadas e gritantes, como marrom, rosa e vermelho. Tapetes em excesso. Shampoos, condicionadores e cremes espalhadas no box, muitos até vazios. Isso causa incômodo, e torna o banho desconfortável. Imagine tomar banho neste bagunça.

 

 Tomar banho em Banheiro com iluminação excessiva

 

tomar_banho
Banheiro com iluminação forte não permite a sensação de descanso na hora do banho

Banheiro com Iluminação direta e intensa causa stress. Deixa o corpo em alerta. É exatamente o contrário do que deve proporcionar o momento do banho. Além de estimular a irritação e o desconforto visual. Um banheiro com uma única iluminação no teto, não irá proporcionar um ambiente agradável na hora do banho.

 

Uso de sabonetes, shampoos e condicionadores comuns na hora de tomar banho

 

tomar_banho
Produtos de beleza que servem apenas para a higienização não trazem conforto no banho

Como assim? Não devo usar sabonetes, shampoos e condicionadores? Se você deseja tomar banho com conforto, esse não é o melhor caminho. Esses produtos comuns podem até servir para sua higienização, mas não despertam seus sentidos por meio do cheiro, da textura. Não cuidam da pele, dos pelos, cabelos, de forma a proporcionar frescor, aroma, e o aconchego tão importante para um bom banho.

 

Tomar banho de chuveiro elétrico

 

tomar_banho
O chuveiro elétrico tem vazão de água limitada

Este é o grande vilão na hora de tomar banho. Pode parecer que não, mas o chuveiro elétrico não foi feito para quem deseja ter um banho confortável.

Sua vazão de água reduzida não oferece a sensação de massagem por meio da queda d´água. Isso porque a pressão do chuveiro é baixa. Além disso a maioria dos chuveiros não possuem inclinação regulável. Seu cano fica preso na parede e por isso a água cai em pé, ou seja, o chuveiro não fica virado para quem está tomando banho.

Você já teve aquela sensação que apenas uma parte do seu corpo está recebendo água e outra não, uma parte está quente outra fria. E tem mais, o chuveiro é limitado quanto a temperatura, são apenas três: quente, morno e frio, ou seja, você não consegue personalizar a temperatura da água como você deseja, de acordo com seu gosto.

A maioria dos chuveiros não possuem pressão da água. Fator que determina o conforto e a qualidade do seu banho e o quanto vai proporcionar de descanso e relaxamento. Se o seu banho não fornece a possibilidade de pressão forte, temperatura e queda d’água personalizadas a sua preferência, o seu conforto no banho está infelizmente comprometido.

Em busca do banho ideal  

Na correria do dia-a-dia muitas vezes acabamos negligenciando nosso conforto e isso acaba impactando na nossa qualidade de vida. Viver bem muitas vezes é uma escolha pessoal de boas práticas. De escolher o melhor para você e sua família.

Se você ao ler este artigo se identificou, não perca tempo e descubra como ter um banho confortável lendo esse artigo que separamos para você.  

Banho confortável: 4 dicas para transformar completamente seu banho

tomar_banho
Saiba como ter um banho confortável na sua casa ou apartamento

 

[pt_view id=”cf03bf0bmr”]

Aqui na Aquecenorte temos um canal aberto com nossos clientes para que possam sanar dúvidas ou relatar qualquer dificuldade com seus aquecedores. Como já dissemos antes, os aquecedores a gás (em especial os digitais) são equipamentos muito confiáveis e a maioria dessas dificuldades acontecem simplesmente por falta de conhecimento.

Na maior parte dos casos conseguimos resolver os problemas com uma simples orientação por telefone. Por isso resolvemos escrever esse artigo para te ajudar com alguma eventualidade.

Confira abaixo a lista com os erros mais comuns e saiba o que fazer:

1. Aquecedores a gás desligam no meio do banho

Aquecedores_a_gas

Não exibe código de erro

Esse é o problema mais recorrente que recebemos. E talvez o mais desagradável. Ninguém merece receber aquela água fria no meio do banho.

Não se trata de um defeito no aquecedor em si e sim com a hidráulico. Na verdade um desequilíbrio hidráulico.

  • Causa: Desequilíbrio hidráulico – a água fica frio ou morna. Temperatura desconfortável

Em alguns casos o aquecedor não chega a desligar durante o banho. A temperatura fica variando bastante, com ondas de água morna ou fria, tornando o banho bastante desconfortável.

Como dito anteriormente, a causa é um desequilíbrio hidráulico. O que acontece é o seguinte: a água fria, que naturalmente possui uma pressão maior que a água quente, acaba dominando o encanamento e bloqueando a passagem da água quente que vem do aquecedor.

Como o aquecedor a gás aciona somente com a passagem da água (por isso seu nome oficial é aquecedor de passagem) ele entende que o registro foi fechado e desliga.

Nos casos, onde ao invés de desligar completamente a temperatura fica oscilando. A única diferença é que a água fria não bloqueou completamente a passagem da água quente. Ora passa mais água quente, ora menos. Isso causa aquela variação repentina no banho.

Ok, mas como corrigir?

É bem comum as pessoas configurarem seu aquecedor a gás com uma temperatura mais alta que a confortável (ás vezes muito mais alta mesmo, algo em torno de 50, 60 graus) e depois acertarem a temperatura confortável do banho abrindo o registro da água fria.

Essa não é a melhor forma de utilizar o aquecedor. Quanto maior a temperatura configurada no aquecedor, mais água fria será necessário para esfriá-la.

O ideal é regular no próprio aquecedor uma temperatura confortável pro seu banho, assim você não vai precisar misturar água fria, em especial no caso dos aquecedores digitais que possuem um display eletrônico onde é possível colocar a temperatura exata.

É bem comum que cada morador da residência prefira seu banho com uma temperatura diferente. Nesses casos, pra você não ter que ficar mexendo no aquecedor a cada banho, deixe a temperatura apenas 1 ou 2 graus acima da ideal. Assim misture apenas um pouco de água fria e cada pessoa atingirá a temperatura de preferência sem causar esse desequilíbrio hidráulico que tanto citamos.

Isso costuma ocorrer em especial com os aquecedores mecânicos, que são mais trabalhosos de regular a temperatura. Sempre que possível procure usar pouca mistura de água fria. Além de evitar problemas você vai poupar na conta de gás e água.

Mas e se você, já não mistura água fria e mesmo assim isso está ocorrendo?

Outra situação bastante comum que também causa o desequilíbrio hidráulico que faz seu aquecedor desligar é se o registro da ducha higiênica (aquele chuveirinho que fica do lado do vaso sanitário) estiver aberto.

  • Causa: Desequilíbrio hidráulico – registro aberto

A maioria das pessoas não costuma fechar o registro em si, apenas deixa o gatilho fechado. Não vai sair água, mas como o registro está aberto a água fria (que compartilha a mesma tubulação) impedirá a água quente de passar do mesmo jeito.

Isso também pode ocorrer com registros gerais abertos de banheiros desativados. Talvez você tenha aquele banheiro de empregada que ninguém usa. Em ambos os casos é só manter o registro fechado.

Então não custa você verificar se todos os registros estão fechados. Assim você economiza na visita técnica onde o profissional vai até o local só pra fechar o registro. Acredite, isso acontece muito.

Esse problema é tão comum que fizemos um artigo somente para ele, aprofundando mais em suas causas e possíveis soluções. Você pode acessa-lo clicando aqui!

2. Aquecedor a gás não liga: Falta de Gás

Abaixo os códigos que aparecem no painel do seu aquecedor digital quando ocorrer falta de gás:

Código 11: Rinnai, Bosch, Harman, Yume e Rheem (fabricação japonesa)

Código E1: Lorenzetti, Sakura, Komeco, Orbis e Rheem (fabricação chilena)

 

Talvez você não acredite, mas falta de gás também é um problema bem comum. Como você já deve ter notado esse é mais um daqueles problemas que não é do aquecedor em si.

  • Causa: Registro de gás fechado

Na maioria das vezes se resume a um simples registro fechado, mas suas causas podem variar. Às vezes é só um problema de fornecimento da empresa de gás (aqui em São Paulo a Comgás) ou pode ser uma falha na estrutura do prédio, com o registro geral fechado.

Caso seu aquecedor apresente o código 11 ou E1 comece verificando o registro de gás do próprio aquecedor, depois verifique o registro geral do apartamento (se tiver). Se os dois estiverem abertos é hora de checar os registros do prédio, entre em contato com seu zelador.

Um jeito prático e descomplicado de verificar se o gás tá chegando na sua residência é tentar ligar seu fogão.

Fique atento para o fato que não é incomum as empresas fornecedoras de gás selarem os registros individuais de gás de apartamentos novos ou que ficaram algum tempo parados, sem moradores.

Nesse caso é só entrar em contato com a empresa para reabertura do registro. Aqui em São Paulo a empresa responsável pelo fornecimento de gás é a Comgás.

Aquecedores_a_gas
Aquecedores a Gás

3. Aquecedor desliga depois de um tempo: Insuficiência de Gás

Abaixo os códigos que aparecem no painel do seu aquecedor digital quando ocorrer insuficiência de gás:

Código 12: Rinnai, Bosch, Harman, Yume e Rheem (fabricação japonesa)

Código E1: Lorenzetti, Sakura, Komeco, Orbis e Rheem (fabricação chilena)

 

É um problema similar ao anterior, a diferença é que nesse caso o gás chega até o aquecedor, em uma quantidade inferior ao necessário para seu funcionamento.

  • Causa: fornecimento do gás limitado

Nas versões GLP (gás de botijão) acontece quando o gás está no final ou se o medidor de gás instalado não estiver bem dimensionado. Se o botijão de gás estiver cheio então é certeza que o problema está no dimensionamento dos registros e medidores.

Se for o seu caso entre em contato com profissionais qualificados para fazer o redimensionamento correto da sua casa.

Em aquecedores GN (gás natural) o problema pode ser com a baixa pressão do gás. Nesses casos somente a empresa fornecedora de gás pode te ajudar. Verifique quais são as empresas responsáveis pela sua região e entre em contato.

Caso você tenha dúvidas a respeito de tipos de gás temos um artigo que pode te ajudar. Você pode acessa-lo clicando aqui!

 

4. Aquecedor aciona depois desliga: Problema na Rotação da Ventoinha

Abaixo os códigos que aparecem no painel do seu aquecedor digital quando ocorrer problemas de rotação de ventoinha.

Código 90: Rinnai, Bosch, Harman, Yume e Rheem (fabricação japonesa)

Código E8: Lorenzetti, Sakura, Komeco, Orbis e Rheem (fabricação chilena)

 

Esse problema ocorre quando a ventoinha, responsável pela expulsão do monóxido de carbono, começa a ter mais esforço para girar, perdendo eficiência. Assim, o monóxido que não é expulso acaba se acumulando no aquecedor e causa um superaquecimento. Por segurança o aquecedor desliga.

  • Causa: falha na ventoinha que gera acúmulo de monóxido de carbono

A origem mais comum dessa falha é a sujeira, que se acumula na ventoinha e dificulta sua rotação. Dependendo do tempo do aquecedor e a intensidade com que é usado pode ocorrer também pelo desgaste natural da peça.

No primeiro caso somente a manutenção preventiva elimina o problema, já no segundo é necessária a substituição do componente. Independentemente da situação é importante contratar apenas empresas autorizadas para realizar a manutenção do seu aquecedor a gás.

Vale ressaltar uma curiosidade sobre essa dificuldade com a ventoinha: é mais comum ocorrer durante o inverno. As temperaturas estão mais baixas e o aquecedor tem que se esforçar muito mais pra entregar a temperatura desejada (que no frio já costuma ser um pouco mais alta).

Agora uma dica se você tiver uma secadora de roupa no mesmo ambiente que o aquecedor a gás:

  • Causa: películas de roupas

A secadora solta muita das películas da roupa. Essas películas por sua vez invadem o aquecedor causando o problema que descrevemos acima. Uma maneira bastante simples de resolver essa dificuldade é instalar um filtro na secadora. Esse filtro pode ser feito com uma meia-calça e uma braçadeira.

Simples, barato e evita muita dor de cabeça.

Outros códigos relacionados a problemas com a ventoinha:

Código 61 – Conector solto ou problema com a ventoinha:

Marcas: Rinnai, Bosch, Harman, Yume e Rheem (fabricação japonesa)

Código 99 – Ventoinha com torque elevado ou sujeira no circuito de ar:

Marcas: Rinnai, Bosch, Harman, Yume e Rheem (fabricação japonesa)

Aquecedores_a_gas
Aquecedores a Gás

Aquecedores a Gás: Equipamentos Confiáveis

Como você deve ter notado lendo a lista acima a maioria dos problemas não são do equipamento em si. E uma boa parte deles é causado pelo acúmulo natural de sujeira.

Isso demonstra que os aquecedores a gás, em especial as versões digitais que são as mais atuais e sofisticadas, possuem uma durabilidade muito alta. E um baixo índice de manutenção, se forem usadas de maneira correta.

Caso você tenha tentado alguma solução demonstrada acima e mesmo assim seu equipamento continue apresentando problemas de funcionamento é indicado que você entre em contato com uma empresa autorizada pelo fabricante do seu aquecedor. Não tente limpa-lo ou substituir peças por conta própria. Além de sacrificar sua garantia de fábrica você pode estar colocando a sua saúde e da sua família em risco.

Assistência Técnica Autorizada em São Paulo para Aquecedores a gás

Escrevemos esse artigo com o objetivo de ajudar as pessoas com problemas bem comuns (e muitas vezes simples) em seus aquecedores a gás. Mas talvez o problema do seu aquecedor a gás seja mais complexo que isso e necessite da visita de um técnico especializado.

Caso esteja em São Paulo ou arredores, como Guarulhos ou ABC Paulista, podemos te ajudar. Somos assistência técnica autorizada dos aquecedores a gás das marcas Rinnai, Rheem, Bosch e Orbis!

Para solicitar nossa assistência técnica autorizada é só preencher o formulário abaixo que um dos nossos técnicos entrará em contato para entender melhor seu caso e marcar uma visita!

Comentários sobre Aquecedores a Gás

Recebemos muitos comentários com dúvidas a respeito de problemas com aquecedores a gás. E sempre tentamos ajudar nossos leitores da melhor forma que conseguimos. Mas para fazer isso de maneira assertiva precisamos do máximo de informação possível.

Então quando for deixar seu comentário com uma dúvida sobre o problema que está tendo com o aquecedor a gás, além de descrever os sintomas, escreva também a marca, modelo e tipo de gás do aquecedor a gás, e quaisquer informações adicionais que achar relevante.

Via de regra você encontrará informações como marca e modelo em um adesivo na lateral direita dos aquecedores a gás.

A manutenção preventiva dos aquecedores a gás são a revisão geral e a limpeza do equipamento. Como o nome sugere, é um serviço realizado no equipamento para evitar problemas futuros. O que poucas pessoas sabem é que, em alguns casos, a manutenção preventiva também pode corrigir alguns problemas com o aquecedor a gás.

Nessa postagem citaremos alguns desses problemas que a manutenção preventiva pode tanto evitar, quanto corrigir.

 

Manutenção Preventiva em Aquecedores a gás digitais

No caso dos aquecedores a gás digitais é fácil identificar o problema e sua possível solução, pois todos os modelos exibem o autodiagnóstico em seu display na forma de códigos. Chamados de código de erro que podem variar um pouco de acordo com a marca e o modelo do aquecedor a gás.

Muitas vezes esses códigos de erro são confundidos com uma mudança repentina na temperatura. No entanto o indicador de que não se trata da temperatura é o fato desse número ficar piscando.

 

Código 90

Marcas: Rheem (fabricação japonesa); Rinnai; Yume; Bosch e Harman

Esse código está relacionado as seguintes situações:

  • problemas de exaustão;
  • obstrução do trocador de calor;
  • ventoinha e/ou filtro de entrada de ar.

Na prática, a grande maioria desses problemas são causados pelo acúmulo de resíduos no aquecedor. Em outras palavras: sujeira.

Por isso que a manutenção preventiva é recomendada tanto para evitar que seu aquecedor a gás apresente o código 90 quanto para corrigi-lo.

manutencao_preventiva
Aquecedor a Gás Digital parcialmente desmontado

Marcas: Rheem (fabricação japonesa); Rinnai; Bosch e Harman

Este código de erro é bastante similar ao código 90, mas ao invés de acontecer antes de ligar a chama, o código 99 indica um problema depois de ligar a chama.

Também é um problema causado por sujeira. Assim a manutenção preventiva, que consiste na verificação geral e limpeza do aquecedor, costuma resolver a grande maioria dos casos.

 

Código 1L

Marcas: Rheem (fabricação japonesa)

Esse código só é exibido em aquecedores Rheem de fabricação japonesa. Ele diz respeito à obstrução interna da serpentina causado por carbonatos ou outros minerais que acabam diminuindo e/ou restringindo a passagem de água.

Com a limpeza executada na manutenção preventiva esse problema é solucionado.

 

Código 10

Marcas: Rinnai

O código de erro 10 é referente a problemas com a ventoinha ou a obstrução do fluxo.

A manutenção preventiva costuma solucionar problemas envolvendo a ventoinha, já que em sua maioria a causa é sujeira.

 

Código 14

Marcas: Rinnai

O código 14 consiste normalmente em um problema com fusível de temperatura ou termostato. Ocorre especialmente em casos de uso comercial, onde a demanda é muito maior e as aletas, responsáveis pela condução da água através da câmera de combustão, ficam obstruídas e causem um superaquecimento.

Nesse caso específico a manutenção preventiva resolve o problema.

manutencao_preventiva

Código 61

Marcas: Rinnai

Essa ocorrência envolve a ventoinha. Porém dessa vez é referente a um conector solto ou rompido.

A manutenção preventiva corrige e também previne esse problema já que uma revisão geral é feita em todo equipamento, verificando cabos e conectores.

 

Código E5

Marcas: Rheem (fabricação chilena)

Este código alerta para falhas na pressão do vento. Sendo um sinal de problema na ventoinha.

É bem comum que a ventoinha acumule muita sujeira o que acaba comprometendo sua rotação. Se for o caso, a limpeza da manutenção preventiva desobstrui a ventoinha que volta a rotacionar de maneira correta.

manutencao_preventiva
Ventoinha Suja X Limpa

Código E2:

Marcas: Lorenzetti

O problema que esse código acusa é muito parecido com o Código E5 dos aquecedores Rheem. É uma falha na ventoinha, normalmente causada por sujeira.

 

Manutenção Preventiva em Aquecedores a gás mecânicos

Apesar de alguns modelos de aquecedores a gás mecânicos possuírem display digital, responsáveis por mostrar limitadas informações como temperatura, diferente dos aquecedores digitais, nenhum deles possui a função de autodiagnóstico.

Por esse motivo a manutenção preventiva é ainda mais importante no caso dos aquecedores mecânicos. Já que seus problemas são mais difíceis de identificar.

Sintomas

Chama alaranjada

Um dos poucos sinais prévios que os aquecedores mecânicos possuem de que não estão funcionando corretamente é a coloração da chama. Por isso praticamente todos os modelos possuem um visor frontal onde você pode verificar isso com facilidade quando o aquecedor estiver em funcionamento.

É importante que a coloração da chama seja sempre azulada. Isso demonstra que a queima está ocorrendo de maneira correta.

Se seu aquecedor tiver uma chama alaranjada é sinal de que algo está errado. Nesses caso a manutenção preventiva costuma resolver.

De qualquer maneira se a chama do seu aquecedor não estiver azulada é importante que você procure uma assistência técnica autorizada para verificar isso.

 

Manutenção Preventiva nas Duchas e torneiras

A manutenção preventiva também pode ajudar no funcionamento correto das duchas e torneiras da sua residência.

Sintomas

A diminuição de vazão em duchas e/ou torneiras específicas.

Esse problema costuma acontecer por conta da sujeira que se acumula nas duchas e torneiras com o uso. A manutenção preventiva,  inclui a limpeza das duchas e torneiras alimentadas pelo aquecedor a gás.

 

A importância da Manutenção Preventiva

Vale frisar que todos os fabricantes de aquecedores a gás recomendam enfaticamente que essa manutenção seja feita a cada ano no caso de uso residencial e a cada seis meses para o uso comercial.

Isso prolonga a vida útil do aquecedor e, como visto nessa postagem, podem evitar vários aborrecimentos que sempre costumam acontecer quando mais precisamos.

Ficou com dúvida sobre o que é exatamente feito nesse tipo de serviço? Nesse artigo listamos tudo que fazemos. Acesse clicando aqui!

E você, a quanto tempo não faz uma manutenção preventiva no seu aquecedor?

 

[pt_view id=”e1df4823k0″]