Pressurizador de Água: Fluxostato ou Pressostato?

Bomba pressurizadora de pressostato ou de fluxostato? Se você está procurando por pressurizadores, provavelmente já se deparou com esses termos, não é? Mas o que diabos é isso?

Pensando nisso, esse artigo vai falar especificamente do que se trata fluxostato e pressostato e quais são suas principais diferenças, vantagens e desvantagens.

E caso você ainda não entenda direito como funciona esse negócio de pressão de água, separamos um artigo só sobre isso.

O que é Fluxostato e Pressostato?

De forma resumida, o funcionamento da bomba pressurizadora é muito simples. Trata-se de um motor “burro” que só gira e dá força para a água. O que difere uma bomba pressurizadora é o seu sistema de acionamento. A bomba pode ser acionada manualmente ou a partir de uma automação. A automação pode ser feita de diversas formas, como um controlador por exemplo. No entanto dentre as bombas pressurizadoras os sistemas de acionamento automático mais comuns são o fluxostato e o pressostato.

Então resumindo, tanto o fluxostato quanto o pressostato são sistemas de acionamento automáticos de uma bomba pressurizadora. Falando de maneira bem simples é o que vai dizer pra bomba quando ela deve ligar.

Mas qual a diferença entre eles?

Pressostato_ou_fluxostato
O corpo de ambas as bombas é idêntico, o que muda é seu sistema de acionamento: pressostato ou fluxostato

Como funciona Fluxostato? 

Como o seu próprio nome sugere, ele funciona pelo fluxo de água na rede hidráulica. Quando algum ponto de consumo é aberto e a água passa por dentro da bomba pressurizadora, o fluxostato detecta seu fluxo e dá um comando para a bomba pressurizadora começar a trabalhar. Quando essa movimentação da água é interrompida, quando você fecha o ponto de consumo, então o fluxostato deixa de detectar o fluxo e dá um comando para a bomba desligar.

Vale ressaltar que o fluxostato não é um equipamento muito sensível, então ele precisa de um fluxo e uma pressão mínima para ser acionado. Isso significa que abrir muito pouco um ponto de consumo ou mesmo um pequeno vazamento passará desapercebido para o fluxostato e a bomba pressurizadora não será acionada.

Um consequência disso é que bombas pressurizadoras equipadas com fluxostato só conseguem atender pontos de consumo que estejam abaixo da instalação. Ou seja, esse tipo de bomba pressurizadora precisa ser instalada no teto.

Pressostato_ou_fluxostato

Características do Fluxostato 

  • Equipamento mais simples;
  • Não mantém a rede pressurizada;
  • Precisa de um fluxo e pressão mínima de água para ser acionado;
  • Não pode ser instalado abaixo dos pontos de consumo.

Vantagens do Fluxostato

  • Preço mais atrativo;
  • Maior durabilidade;
  • Menor incidência de manutenção;
  • Pode ser instalado em redes hidráulicas mais antigas;
  • Em caso de pequenos vazamentos não fica acionando.

Desvantagens do Fluxostato

  • Só atende os pontos de consumo que estão abaixo dele;
  • Pode demorar um pouco para acionar;
  • É mais restritivos em relação ao local de instalação;
  • Não pode ser utilizado com boiler;

Como funciona Pressostato? 

Já o pressostato é responsável por detectar a pressão da água na rede hidráulica. Sendo assim, toda vez que ele detecta que a pressão da água diminuiu ele aciona a bomba, então quando a pressão estabiliza ele desliga a bomba pressurizadora.

Isso significa que toda vez que você abre um ponto de consumo a pressão da água na rede hidráulica cai, fazendo com que a bomba seja acionada. Diferente do fluxostato, que não detecta pequenos fluxos de água, o pressostato é muito mais sensível e detecta inclusive poucas variações de pressão. Na prática, mesmo um pequeno vazamento depois de algum tempo vai reduzir a pressão da rede a ponto de fazer o pressostato ligar a bomba.

Outra característica marcante de bombas pressurizadoras equipadas com pressostato é que elas mantêm a rede hidráulica pressurizada o tempo todo.

Pressostato_ou_fluxostato

Características do Pressostato

  • Equipamento mais complexo;
  • Mantém a rede hidráulica sempre pressurizada;
  • Pode ser utilizado para elevar a água.

Vantagens do Pressostato

  • Assim que você abre qualquer ponto de consumo já recebe água pressurizada;
  • Mais flexibilidade na instalação, podendo estar abaixo ou acima dos pontos de consumo;
  • Pode ser utilizada com boilers de alta pressão.

Desvantagens do Pressostato

  • Preço mais elevado;
  • Menor durabilidade;
  • Maior incidência de manutenção;
  • Aciona em caso de vazamento;
  • Não é recomendada a sua instalação em redes hidráulicas mais antigas.

Pressostato_ou_fluxostato

Como escolher o pressurizador de água ideal

Cada tipo de equipamento possui uma característica única. Justamente por isso é muito importante ressaltar que cada um se adapta melhor a diferentes tipos de situações. O fluxostato, por exemplo, é mais recomendado para casas onde a rede hidráulica é mais antiga, mas por outro lado não pode pressurizar pontos de consumo acima de seu local de instalação. Já o pressostato mantém a rede hidráulica sempre pressurizada, sendo o equipamento ideal para trabalhar com boilers de alta pressão.

Em caso de dúvida sempre o mais indicado é contar com o auxílio técnico de profissionais capacitados tanto para o dimensionamento quanto para a instalação do equipamento. Não é incomum encontrarmos bombas pressurizadoras instaladas incorretamente ou que não atendem bem a demanda do local. Por isso fique sempre bem atento.

Esperamos que esse artigo tenha te ajudado a esclarecer algumas dúvidas. Então não deixe de assinar nossa newsletter para receber em primeira mão as novidades do nosso blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *