Aquecedor a gás digital ou mecânico? Saiba qual a melhor opção

A compra de um aquecedor a gás é um momento muito importante já que esse é um tipo de investimento que não se faz a toda hora. Ao escolher esse parceiro dos seus banhos quentes, você estará optando entre duas versões, o  aquecedor de gás digital e o mecânico.

Ambos os tipos de aquecedores tem suas vantagens e desvantagens, mas quem decide o que mais vale a pena para a sua família é você. Queremos te auxiliar a decidir qual o melhor equipamento a partir das suas necessidades e possibilidades. Afinal, investir de forma errada no aquecedor pode comprometer o seu bolso, a sua saúde e segurança.  

Confira aqui todas as informações mais importantes para te auxiliar na hora de encontrar um novo aquecedor a gás.

aquecedor_a_gas_digital
A qualidade do seu banho depende muito do seu aquecedor!

Display do aquecedor a gás digital

Todos os equipamentos digitais mostram uma diversidade de informações úteis. São elas a temperatura da água, e até os códigos de erro que facilitam bastante na solução de ocasionais dificuldades com o equipamento. Em alguns modelos é possível até monitorar funções como:

  • temperatura de saída e entrada;
  • vazão de água;
  • rotação da ventoinha;
  • quantidade de vezes que o aparelho foi acionado;
  • tempo total de funcionamento.

O fato de qualquer problema (externo ou do próprio equipamento) gerar um código de erro através do seu display facilita muito sua correção. Seja algo simples como uma válvula de gás fechada ou até algo muito mais complexo que exija a troca de algum componente interno. Lembrando que qualquer manutenção no equipamento deve ser executada sempre por uma empresa autorizada, de acordo com o manual ou site do fabricante.

Já os aquecedores mecânicos não possuem esse tipo de controle na mão do consumidor. Alguns modelos são equipados com um display digital que nada mais é do que um termômetro digital. No entanto, o controle de temperatura e acionamento são manuais, por isso continuam sendo equipamentos mecânicos. Isso não caracteriza esses equipamentos como aquecedores digitais ou “semi-digitais”. Portanto, preste a atenção nas demais características de cada modelo para não pagar mais caro por algo que você não precisava.

Capacidade do aquecedor a gás

Mesmo os aquecedores mecânicos de maior capacidade só possuem no máximo vazão de água de 20 litros/ minuto. Isso é suficiente para atender  duas duchas com vazão padrão de 10 litros/ minuto. Sem falar que aquecedores com tecnologia mecânica não possuem um display digital onde você pode configurar exatamente a temperatura da água. Isso obriga você a regular manualmente a quantidade de água e gás.

Na prática, a maioria das pessoas costuma regular o equipamento para uma temperatura alta abrindo um pouco de água fria para tentar acertar na qualidade do banho. Isso, muitas vezes, causa mais um problema: a oscilação da temperatura. Essa variação ocorre por conta do desequilíbrio hidráulico: a água fria, que via de regra é mais densa e tem mais pressão que a água quente, acaba entrando no misturador dificultando a passagem da água quente impedindo-a completamente, a ponto do aquecedor desligar.

Outro ponto que afeta a capacidade dos aquecedores mecânicos é a chama fixa. Isso significa que a temperatura do banho vai variar bastante de acordo com a quantidade de água que passa pelo aquecedor. A chama responsável por aquecer a água não se adéqua automaticamente ao seu volume. Essa é a verdade por trás da dificuldade de acertar uma temperatura confortável pro banho. Portanto, aquecedores mecânicos não são os mais indicados para atender pontos simultâneos.

Desviadores afetam o desempenho do aquecedor a gás

Por exemplo: se você estiver com dois pontos de água quente abertos simultaneamente e depois fechar um, o que continuar aberto terá um aumento na temperatura. Afinal, a quantidade de água que passa no aquecedor será menor. Caso você não tome cuidado, isso pode causar desconforto e até acidentes devido a temperatura mais elevada.

Isso acontece com frequência no uso de chuveirinhos, pois com a vazão de água bem menor ele tende a aquecer mais. Nessas situações é bem comum, além do susto, o desviador também desligar o aquecedor a gás.

Esse pode ser um problema já que o desviador é bastante utilizado para o banho de crianças pequenas e idosos, devido a sua facilidade de manuseio. Portanto recomendamos que se você utiliza ou pretende utilizar o chuveirinho opte por um aquecedor a gás digital.

aquecedor_a_gas_digital
Os aquecedores a gás digitais e mecânicos possuem algumas particularidades que fazem diferença no seu dia a dia!

Vazão e temperatura da água no aquecedor a gás digital e mecânico

Já os aquecedores digitais possuem uma ampla faixa de modelos que variam desde 12 l/min até 47,5 l/min de vazão. Modelos de alta vazão são capazes de atender até 4 duchas simultaneamente. O tamanho da chama aumenta ou diminui automaticamente de acordo com a demanda de água, então não importa se você abrir mais pontos de água simultaneamente. Esse equipamento conseguirá manter a temperatura configurada e fará isso de maneira automática.

Nos aquecedores a gás mecânicos a temperatura e vazão da água devem ser controladas manualmente através de botões mecânicos. Já nos aquecedores a gás digitais você tem um display eletrônico onde poderá configurar a temperatura exata da água. O equipamento fará o controle do fluxo de gás de maneira automática. A grande vantagem aqui é poder digitar exatamente a temperatura mais confortável para seu banho sem grandes dificuldades.

Você não precisará ficar abrindo mais ou menos água e misturando com água fria para chegar em uma temperatura que te agrade. O equipamento é inteligente e vai te entregar a temperatura configurada independentemente da quantidade de água que você abrir.

Outra coisa que só é possível em aquecedores a gás digitais é a possibilidade de instalar dois ou mais equipamentos em série. Isso permite atingir uma capacidade de vazão maior do que apenas um único aquecedor a gás poderia.

Esse tipo de sistema de aquecimento é bem comum em hotéis, hospitais e academias.

Sistema de exaustão

É importante frisar que a grande maioria dos modelos mecânicos possui exaustão natural. Ou seja, os aquecedores mecânicos expulsam os gases queimados pelo duto de exaustão apenas com ajuda da força do empuxo.

Aquecedores a gás mecânicos costumam ter uma grande limitação quando instalados em apartamentos. Isso porque a instalação de modelos de exaustão natural não é recomendada acima do quarto andar. A circulação de ar, que costuma ser mais forte em altitudes mais altas, entra pelo terminal e percorre o duto de exaustão do equipamento. Assim, a chama sofre interferência, podendo até apagá-la completamente, desligando o aquecedor e danificando componentes. É importante ressaltar que a garantia do equipamento não cobre esse tipo de dano. Além de ser considerado um dano natural, isso quer dizer que ele foi instalado fora das normas.

Já os aquecedores a gás digitais possuem uma ventoinha que expele os gases para fora numa espécie de exaustão forçada. Na prática, esse tipo de equipamento é muito mais eficiente e seguro do que os modelos com exaustão natural. Sem falar que podem ser instalados em qualquer andar, sem a preocupação do vento interferir com sua chama.

Instalação do aquecedor a gás

Os equipamentos de exaustão natural necessitam de um terminal de exaustão com um diâmetro mínimo que seja igual ou maior que o aquecedor a ser adquirido.

Por exemplo: se o terminal de exaustão for de 100mm e o aquecedor escolhido for de 130mm, tecnicamente fica impossibilitado de realizar esta instalação. Como a saída de gás queimado seria maior do que o terminal, parte do gás queimado retornaria para o ambiente. Além disso, também é necessário a altura mínima de 35 cm entre a parte superior do aquecedor a gás e a parte inferior da primeira curva de exaustão.

Isso pode ser um verdadeiro empecilho na instalação, pois nem todos os locais possuem espaço suficiente. Especialmente em apartamentos onde as áreas de serviço – locais bastante comuns para instalação de aquecedores a gás – costumam ser bem apertadas. Outro problema costumeiro é que nem todas as construtoras levam isso em conta na hora de construir a infraestrutura das saídas de água e gás, instalando-os em posições desfavoráveis.

Possível alteração na hora de instalar

Caso esse seja o seu caso, você precisará de um serviço de “rebaixamento dos pontos”. Consiste numa estrutura de extensores de canos e hastes que permitem que o aquecedor seja instalado numa posição mais baixa que os pontos de saída de água e gás originalmente deixados pelas construtoras. O problema é que nem sempre isso é uma opção viável pois, muitas vezes, existem cubas, tanques ou armários logo abaixo dos pontos de água e gás. Também deve-se levar em conta que esta adaptação exige um investimento maior na instalação por conta dos materiais e mão de obra que acabam aumentando.

É importante ressaltar que esse tipo de alteração só é necessário porque nos aquecedores a gás de exaustão natural o gás precisa de uma distância mínima para ganhar força e sair pelo duto.

Outra coisa que pode dificultar o gás queimado de sair pelo duto de exaustão são trechos com distância superior a 2 metros e/ou com mais do que duas curvas com ângulo de 90º. É terminantemente proibido curvas negativas.  Uma vez que o gás não consiga sair, ele se acumulará no duto e com o tempo retornará para o ambiente. Posteriormente pode invadir outros cômodos da residência colocar sua saúde em risco. Vale lembrar que esse gás queimado não é só nocivo para nossa saúde, mas também para a saúde de animais domésticos como gatos, cachorros e pássaros.

aquecedor_a_gas_digital
Ambientes ventilados e espaço livre são muito importantes na instalação do seu aquecedor.

Sistemas de segurança do aquecedor a gás digital 

Aquecedores digitais são extremamente seguros. São equipados com complexos sistemas de segurança, responsáveis por desligar o equipamento caso haja qualquer anormalidade evitando assim acidentes. Veja alguns deles abaixo:   

  • Sensor de temperatura de água:

Corta a passagem de gás desligando o equipamento caso a água atinja uma temperatura superior à programada no sistema de segurança;

  • Sensor de chama:

Caso este sensor percebe a ausência da chama, ele imediatamente desliga o equipamento cortando a passagem de gás;

  • Sensor de fluxo de água:  

Este sensor requer uma vazão e pressão mínima de água para o acionamento do aquecedor. Caso não haja passagem de água pelo equipamento é impossível o equipamento funcionar. Evita que o equipamento funcione sem que haja passagem de água, o que danificaria o equipamento.

Eficiência de cada aquecedor

Por possuir uma tecnologia mais simples e trabalhar apenas com controles manuais, os aquecedores mecânicos são significativamente menos eficientes que os digitais. Isso, com certeza, irá aumentar o cálculo da sua conta de gás no final do mês e provavelmente até na conta de água.

Já os aquecedores digitais possuem sistemas eletrônicos inteligentes que otimizam o consumo de gás de maneira automática. Isso porque utilizam gás proporcionalmente ao volume de água a ser aquecido. Esse uso mais inteligente do gás ajuda a baixar os gastos no fim do mês.

Fonte de energia

A maioria dos modelos de aquecedores mecânicos possuem um sistema de exaustão natural e não possuem placa eletrônica. Esse é o motivo de dispensarem o uso de tomadas e utilizarem no lugar uma ou duas pilhas grandes como fonte de alimentação. Sendo assim, você continuará a tomar banho quente mesmo com queda de energia elétrica.

Em contrapartida, os aquecedores mecânicos precisam de trocas de pilhas frequentes. Isso costuma acontecer a cada 6 meses, porém depende bastante da frequência de uso do equipamento. É importante ter pelo menos um par reserva em casa para não correr o risco de ficar sem banho quente depois de um dia cansativo de trabalho.

Já os aquecedores digitais são equipados com uma placa eletrônica, display digital e uma ventoinha responsável pela exaustão forçada dos gases queimados do aparelho, portanto necessitam de uma tomada. Isso significa que em caso de queda de energia elétrica, seu banho quente não acontecerá. Talvez isso seja um empecilho se você mora em locais onde longos períodos sem eletricidade são comuns.

Uma solução é o uso de um nobreak. Nobreaks são dispositivos alimentados a bateria e que são capazes de fornecer energia elétrica por um certo tempo. Como os aquecedores digitais têm um baixo consumo elétrico, este equipamento é capaz de proporcionar vários banhos mesmo com quedas de eletricidade frequentes.

aquecedor_a_gas_digital
Como cada aquecedor utiliza uma fonte de energia diferente, pense bastante antes da aquisição.

Durabilidade do aquecedor a gás digital e mecânico

Por conta dos seus componentes de alta qualidade, a vida útil de aquecedores digitais costumam variar de 15 a 30 anos. Já nos aquecedores mecânicos esse tempo varia entre 8 a 10 anos.

São equipamentos de alta durabilidade, mas temos que ressaltar a importância de alguns cuidados. Todos os fabricantes, sem exceção, recomendam a execução de uma manutenção preventiva no aparelho uma vez por ano.

A manutenção preventiva consiste em uma limpeza total do equipamento, além da verificação de válvulas, dutos e sensores de segurança. Borrachas de vedação também são substituídas nesse processo que costuma desmontar cerca de 75% do equipamento.

Esse tipo de serviço não só permite que a extensão total de vida útil do equipamento seja aproveitada, mas também evita dores de cabeça futuras.

Mas lembre-se sempre de contratar apenas empresas autorizadas pelo fabricante do aquecedor a gás para executar esse serviço. Caso contrário, além de comprometer sua garantia, você pode estar colocando sua residência em risco. Afinal, serviços mal executados podem causar acidentes.

Garantia do aquecedor a gás digital e mecânico

Como dissemos acima, os componentes dos aquecedores digitais são de alta qualidade, por isso todos os fabricantes oferecem uma garantia de fábrica de 3 anos (para uso residencial).

Já equipamentos mecânicos possuem apenas 2 anos de garantia, independente do fabricante.

Mas fique atento, essa garantia só é mantida se o aquecedor a gás for instalado dentro das normas de segurança vigentes. Caso contrário, você perde esse direito. Por isso, é muito importante contratar apenas empresas autorizadas para realizar a instalação e manutenção do seu equipamento.

Valores

Aquecedores mecânicos possuem uma tecnologia bem mais simples que seus equivalentes digitais. Apesar de alguns modelos possuírem exaustão forçada, a maioria usa a exaustão natural e tem baixa capacidade. Por esses motivos seu valor tende a ser mais baixo. No entanto, essa diferença de valor não costuma ser muito grande já que a alta demanda dos aquecedores a gás digitais ajudou a equiparar os valores de ambos os tipos de equipamento.

aquecedor_a_gas_digital
Os valores mudam conforme a tecnologia aplicada a cada aquecedor.

.Resumindo…

Aquecedor a Gás Mecânico

Vantagens

  • Mais barato
  • Funciona a pilha (no caso dos equipamentos de exaustão natural)

Desvantagens

  • Menos eficiente: gasta mais gás
  • Temperatura fixa: não modula a chama quando um segundo ponto é aberto simultaneamente
  • Suscetível a desligar com o vento.
  • Limitação de capacidade
  • Limitações técnicas de instalação
  • Dificuldade em acertar a temperatura

Aquecedor a Gás Digital

– Vantagens

  • Mais eficiente, gasta menos
  • Chama auto-modulante, adapta-se automaticamente a necessidade de água
  • Controle de temperatura preciso
  • Rigorosos sistemas de segurança
  • Display digital que exibe temperatura e código de erro
  • Alta capacidade de vazão
  • Maior durabilidade
  • Mais tempo de garantia

– Desvantagens

  • Valor de investimento um pouco superior
  • Precisa de energia elétrica para funcionar

Comprar um aquecedor a gás pode parecer tarefa difícil, mas a Aquecenorte tem tudo que você precisa para investir de verdade num equipamento que vale a pena. Converse com alguns dos nossos vendedores e tire todas as suas dúvidas!

 

Selecione uma opção em : Configurações de filtro > Tipo de conteúdo

 

  • Olá, muito bem escrito o artigo! Um amigo que trabalha numa loja de materiais de construção me desrecomendou os aquecedores digitais porque as placas eletrônicas quebrariam com bastante frequência. O que vc tem a dizer sobre isso? Obrigado!

    • Boa tarde Bruno,

      Eu diria que isso é uma inverdade. Acompanhamo o nosso departamento de assistência técnica e posso dizer com propriedade que esse problema é bem raro. Aliás, quando falamos de aquecedores a gás, seja mecânico ou digital, a grande maioria dos problemas não são do equipamento em si. São problemas de mau uso, má instalação e pasme, sujeira.

      Mas claro, como em qualquer seguimento, existem marcas e marcas. Existem marcas confiáveis e marcas menos confiáveis onde alguns problemas são mais recorrentes. Mas independente da marca, todo aquecedor a gás tem três anos de garantia de fábrica (aqui na Aquecenorte a gente dá 2 anos extras, totalizando 5). Sendo assim, se esse problema fosse realmente bastante frequente as empresas iam acabar falindo de tanto trocar placa, já que é um componente bastante caro.

  • Boa tarde
    Estou trocando de aquecedor. O instalador da empresa, diante da dificuldade de instalar totalmente uma chaminé nova, sugeriu colocá-la por dentro da antiga e vedar o espaço entre elas. É seguro?

    • Boa tarde Roberto, tudo bem?

      Esse tipo de procedimento é seguro sim, desde que sejam utilizados os materiais corretos para a vedação.

      Espero ter ajudado.

  • Oi, tenho um grande problema com o meu aquecedor central e estou pensando em trocar por duchas eletronicas ou aquecedores individuais. Vocês visitam o local para orçamento?

  • Boa tarde.
    Qual aquecedor de passagem funciona com baixa pressão de água, sem que haja necessidade de um pressurizador.
    Aguardo suas notícias.

    P.S.- Meus parabéns pelo artigo. Muito esclarecedor.

    • Boa tarde Ubiratã, tudo bem?

      Funciona sim. Um aquecedor a gás precisa em média de 2 a 6 m.c.a para seu acionamento dependo da marca e modelo. Mas isso não significa que você terá um banho confortável.

      Pra um bom funcionamento recomendamos pelo menos 10 m.c.a. E um banho realmente confortável algo entre 15 e 20 m.c.a. Por isso quando nossos clientes estão localizados no ultimo ou penúltimo andar de um prédio sempre recomendamos a instalação de uma bomba pressurizadora.

      Espero ter ajudado.

  • Olá Lucio!
    Parabéns pelo post!
    Após suas informações esclarecedoras, tomei a decisão de comprar um aquecedor digital de 15 litros.
    Meu prédio tem 13 andares e moro no 11 andar.
    O reservatório de água fica na cobertura do prédio.
    Uma empresa representante do fabricante do aquecedor fez uma rápida avaliação no meu apartamento na sexta-feira e disse que vou precisar de um pressurizador para instalação.
    Você acha que um pressururizador é realmente necessário?
    Atualmente tenho um aquecedor mecânico de 7l.
    Fico no aguardo de sua pronta resposta. Abraços e uma ótima semana, Eliane

    • Olá Eliane, tudo bem?

      O pressurizador não será estritamente necessário para o funcionamento do aquecedor a gás. No entanto ele é recomendado para a senhora e sua família terem um banho mais confortável, já que pelo andar que seu apartamento se encontra a pressão está um pouco mais do limite mínimo de funcionamento do equipamento.

      Como a senhora já utiliza um aquecedor no local deve ponderar se a pressão atual traz conforto suficiente. Caso a água esteja um pouco fraca talvez seja mesmo o caso de instalar o pressurizador.

      Espero ter ajudado.

  • Uma ótima orientação, parabéns.
    Tenho aquecedor mecânico LZ-800 FB Lorenzetti.
    Quero trocar, colocar digital.
    Qual é o melhor aquecedor? Qual marca?
    Quero saber se tem como vcs me passar o orçamento para essa troca?
    Grato até o momento.

    • Boa tarde Fernando. Muito obrigado pelo contato.
      Nós trabalhamos com as melhores marcas do mercado para aquecedores a gás digitais, como Rinnai e Rheem. São marcas reconhecidas pela mais alta tecnologia japonesa disponível no mercado de aquecedores de água a gás.
      Para te ajudar a entender melhor as características de cada marca, separei esse artigo do nosso blog para te ajudar: https://aquecenorte.com.br/blog/melhores-aquecedores-de-2018/

      Recomendo você entrar em contato com a nossa equipe comercial para te passarmos um orçamento detalhado de acordo com as suas necessidades.
      Você pode entrar em contato pelo telefone (11) 95322-5595 ou pelo e-mail: vendas@aquecenorte.com.br

      Estamos à disposição para eventuais esclarecimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *